Saiba como baixar app e usar serviços da Carteira de Trânsito Digital

Foto: Divulgação / Detran-RR

Criada em 2019, a Carteira de Trânsito Digital é mais uma novidade do Denatran para os condutores. O objetivo principal do aplicativo é oferecer a CNH Digital e diversos serviços digitais, como consulta de multas pagamento de multas com até 40% de desconto e alerta sobre o vencimento da Carteira Nacional de Habilitação.

>Habilitação (CNH) vencida em 2020 terá mais um ano de validade

Além de conter todas as informações da CNH, o app também permite o acesso so documento do veículo, de forma segura tem assim, a mesma validade que o documento impresso podendo, até mesmo, compartilhar o documento digital do veículo com outras pessoas que o utilizam.

Segundo uma votação popular realizada pelo iBest que premia as iniciativas digitais desenvolvidas no Brasil, o CTD, como é conhecido, foi escolhido como o melhor aplicativo de serviços do governo federal.

Com sucesso dos acessos, o Denatran decidiu investir na ferramenta e trazer novos recursos e melhorias. Com isso, no primeiro semestre de 2021, segundo o diretor-geral do Denatran, Frederico Carneiro, o aplicativo terá duas novas funções.

>Projeto proíbe multas por radares móveis em velocidades abaixo de 120Km/h

Como baixar e usar o aplicativo CTD?

Para utilizar o app é necessário que a CNH do condutor possua o QR Code no verso do documento. Com esse código, basta apenas baixa o aplicativo no celular disponível para os sistemas Android e iOS.

Após baixar e instalar é necessário fazer o acesso através do login do Gov br. Depois dessa etapa, o condutor deverá apontar a câmera para o QR Code que fica na parte de trás de sua Carteira Nacional de Habilitação e, em seguida, tirar uma foto dentro do aplicativo.

A plataforma irá conferir a foto tirada com a foto que está no banco de dados do Detran. Feita a análise,  a pessoa deve confirmar o CEP cadastrado no DETRAN do estado de sua habilitação. Estando tudo certo, o aplicativo Carteira de Trânsito Digital irá gerar a CNH Digital.

>Bolsa Família encerra o Ciclo 5 de pagamentos do Auxílio Emergencial

O documento veicular na forma digital será gerado após o condutor informar o número do Renavam. Dado este disponível na parte superior do documento do carro e código de segurança do CRV. Após isso, o app irá gerar o documento automaticamente.

Real Infrator na Carteira de Trânsito Digital

Uma das principais novidades será o serviço “real Infrator” que indicará ao condutor caso haja alguma multa. Com isso a multa é gerada e direcionada para quem realmente a comenteu. Esta função estará disponível no primeiro trimestre do ano.

Pagamentos que dependem da prova de vida não serão mais suspensos nesse período

Transferência de veículos

Outra novidade será a transferência de veículos. Ela estará disponível até o mês de junho, segundo Carneiro. Porém, para usar essa função será necessário estar cadastrado na Carteira de Trânsito Digital.

Exame toxicológico

O Denatran ainda estuda também a possibilidade da inclusão do exame toxicológico ao aplicativo, disponibilizando uma área da Carteira Digital de Trânsito para os motoristas profissionais, nas categorias C, D e E.

Segundo diretor-geral do Denatran, a ideia é que a nova função tenha geolocalização e a lista de empresas credenciadas pelo Departamento Nacional de Trânsito. Assim, os condutores acessam o app e verificam o laboratório mais próximo. O resultado do exame sairá no aplicativo, assim como a sua validade.

PODE LHE INTERESSAR