Revisão do FGTS pode pagar até R$ 10 mil; veja quem pode receber

Revisão do FGTS pode pagar até R$ 10 mil; veja quem pode receber
Revisão do FGTS pode pagar até R$ 10 mil; veja quem pode receber

Revisão do FGTS pode pagar até R$ 10 mil; veja quem pode receber.

A revisão do Fundo de Garantia do Tempo de Serviço (FGTS) continua sendo aguardada por muitos trabalhadores brasileiros que já tinham a carteira assinada desde 1999.

>>Vale a pena antecipar o Saque Aniversário do FGTS?

Ela pode pagar até R$ 10 mil por trabalhador brasileiro. O valor pago pela revisão vai depender do tempo total de trabalho.

Revisão do FGTS

Apesar de toda a expectativa, ainda não se tem uma previsão de quando a revisão do FGTS pode começar a ser feita. Antes de tudo o pedido de revisão do FGTS precisa ser julgado pelo Supremo Tribunal Federal (STF), o que ainda não tem data para acontecer.

>>Projeto pede liberação do 14º salário ou décimo terceiro em dobro no INSS

A revisão do FGTS nada mais é que o pedido de novo cálculo dos valores repassados aos trabalhadores. Dessa forma, o que se pede é a mudança na taxa de cálculo.

Desde 1999 o cálculo é feito com base na Taxa Referencial (TR), que não acompanha a inflação. Por isso, a revisão pede a troca da TR pelo Índice Nacional de Preços ao Consumidor (INPC).

Do mesmo modo, a revisão pode compensar mais para quem nunca fez a retirada do FGTS de 1999 para cá, o que pode resultar em um bom dinheiro para o trabalhador.

>>Bolsonaro sanciona lei que institui o Auxílio Gás; saiba mais sobre o programa

O que se espera com a revisão do FGTS é corrigir os cálculos ao longo dos anos e evitar novas perdas monetárias para os trabalhadores.

O que é o FGTS?

O Fundo de Garantia do Tempo de Serviço é uma segurança para quem trabalha de carteira assinada. É uma proteção ao trabalhador que é demitido sem justa causa.

>>Como ficará o décimo terceiro para trabalhador com Benefício Emergencial (BEm)

Dessa forma, é feita a abertura de uma conta ligada ao contrato de trabalho. E todos os meses é feito o depósito de 8% do salário do funcionário, ou seja, o FGTS é resultado de todos esses depósitos feitos mensalmente nas contas dos trabalhadores de carteira assinada.

Fonte: Capitalist

PODE LHE INTERESSAR