Renda Brasil deve unir e ampliar vários programas sociais (inclusive Bolsa Família e Cadastro Único)

Renda Brasil deve unir e ampliar vários programas sociais (inclusive Bolsa Família e Cadastro Único)
Renda Brasil deve unir e ampliar vários programas sociais (inclusive Bolsa Família e Cadastro Único)

Renda Brasil deve unir e ampliar vários programas sociais (inclusive Bolsa Família e Cadastro Único).

O senador Elmano Férrer (Podemos-PI) afirmou em pronunciamento nesta quarta-feira (29/07) que o governo do presidente Jair Bolsonaro demonstra mais uma vez sua preocupação com os brasileiros mais necessitados ao implantar, nos próximos meses, o programa Renda Brasil.

Renda Brasil vai ser mais potente que o Bolsa Família e deve substituir outros programas

Renda Brasil (novo Bolsa Família) pode ser bancado por “nova CPMF” – entenda

O senador acrescentou que o governo unificará e ampliará vários programas sociais existentes e pagará valores maiores do que o Bolsa Família.

O parlamentar destacou que, com essa iniciativa, o governo federal conseguirá atingir os chamados “invisíveis”, milhões de brasileiros pobres e carentes que nunca receberam atenção das autoridades.

Renda Brasil: abono salarial do PIS pode deixar de existir para ampliar o Bolsa Família?

O que falta para o governo lançar o novo Renda Brasil? Bolsa Família vai acabar?

O Renda Brasil atenderá a todos que recebem o Bolsa Família e também a boa parte das pessoas que estão recebendo o Auxílio Emergencial, em especial, aquelas pessoas que precisam de ajuda por parte do governo, mas não se enquadram nos critérios dos programas atualmente existentes, afirmou.

Auxílio Emergencial

Elmano Férrer ressaltou o trabalho feito pelo governo federal  durante a pandemia da covid-19; socorrendo os estados e municípios e destinando mais de R$ 121 bilhões ao Auxílio Emergencial (Cadastro Único e informais); que garantiu a sobrevivência da população mais humilde do país nos últimos meses.

Mudanças para criar Renda Brasil podem incluir unificação do Bolsa Família com PIS/Pasep e mais

O senador disse também que desde janeiro de 2019 o presidente Bolsonaro tem realizado ações concretas para cumprir as suas promessas ao povo brasileiro, apesar da insistente campanha de desestabilização promovida, segundo o parlamentar, por setores inconformados com os resultados das últimas eleições.

Fonte: Agência Senado

PODE LHE INTERESSAR