Recadastramento biométrico já pode ser feito na Prefeitura-Bairro de Cajazeiras

Os moradores do bairro de Cajazeiras e região já podem realizar o recadastramento biométrico na prefeitura-bairro local. Essa é a oitava unidade municipal a disponibilizar o serviço. O atendimento ocorrerá mediante agendamento no site do TRE-BA. Nesta quinta-feira (27/7), foram disponibilizadas 3.850 vagas de agendamento para todo o próximo mês de agosto. Além do novo posto de atendimento, estão em operação unidades de prefeituras-bairro no Subúrbio-Ilhas, Cidade Baixa, Pau da Lima, Cabula, Valéria, Itapuã e Barra.

Na Prefeitura-Bairro de Cajazeiras, foram disponibilizados sete guichês. A unidade tem capacidade para 175 atendimentos/dia e está localizada Rua da Paciência, S/N, Cajazeiras VIII. Próximo ao Hospital Jaar Andrade.

A região de Cajazeiras pertence a 19ª Zona Eleitoral, que possui 101.054 eleitores. Desses, somente 26.483 pessoas fizeram o recadastramento. De acordo com esses números, 74.211 pessoas não estão com a situação regularizada, e caso não realizem a biometria, terão o título cancelado, ocasionando a perda de diversos benefícios oferecida pelo Governo Federal, como o Bolsa Família.
O atendimento nos postos da Justiça Eleitoral localizados nas unidades de prefeituras-bairro ocorre mediante agendamento no site do TRE-BA. Já para ser atendido nos SACs, o cidadão precisará efetivar agendamento no site do serviço (www.sac.ba.gov.br).

Além dos postos localizados nas prefeituras-bairro, o cidadão pode realizar o recadastramento biométrico na Central de Atendimento ao Público (CAP) e cartórios eleitorais, localizados no CAB. Nas unidades do SAC (Barra, Cajazeiras, Comércio e Periperi). E nos postos avançados instalados na Assembleia Legislativa da Bahia (ALBA), na Secretaria da Fazenda do Estado (Sefaz-BA), no Tribunal de Justiça da Bahia (TJ-BA) e no Tribunal Regional do Trabalho da 5ª Região (TRT5-BA), fórum do Comércio.

Confira o endereço dos postos de atendimento no Hotsite da Biometria 

Vale ressaltar que na CAP e nos cartórios eleitorais da capital o atendimento é de segunda a sexta-feira. Das 8h às 18h, por ordem de chegada ou por agendamento. As vagas por hora marcada são disponibilizadas toda sexta-feira no site do TRE-BA.

Veja os documentos necessários para fazer o recadastramento biométrico
 – Documento oficial de identificação com foto (Ex.: original e cópia de RG, CNH, Carteira Profissional, Passaporte, Carteira de Reservista ou Certificado de Alistamento Militar);
– Comprovante de residência atual original e cópia (emitido há, no máximo, três meses), no nome do eleitor ou de um parente, devendo comprovar o parentesco;
 – Documento comprobatório de alterações de dados pessoais, se houver (Ex.: original e cópia da certidão de casamento com homologação de separação, sentença judicial etc.);
 – Se for tirar o 1º título eleitoral, necessita-se ainda da original e cópia do comprovante de quitação do serviço militar (para homens com idade entre 18 e 45 anos).
ATENÇÃO
– A CNH (Carteira Nacional de Habilitação) não é válida como documento de identificação para o alistamento eleitoral (1º título de eleitor) por não conter nacionalidade/naturalidade, assim como o Passaporte, por não conter a filiação.
– O eleitor que tiver o título eleitoral anterior deve levá-lo na hora de fazer o recadastramento biométrico. Caso o tenha perdido não é necessário levar boletim de ocorrência.
– CONSULTE DÉBITO – Antes de comparecer ao cartório, é necessário ao eleitor consultar a existência de débitos com a Justiça Eleitoral. Para isso, bastará acessar o site (www.tre-ba.jus.br). A pesquisa é feita, por meio do menu principal, seguindo o caminho: Eleitor > Débitos do eleitor. Caso exista débito, a multa deverá ser paga previamente. O comprovante de pagamento deverá ser apresentado no momento do atendimento.

PODE LHE INTERESSAR