Mercado Modelo terá estrutura recuperada, atrações culturais e wi-fi grátis

Um dos principais cartões-postais da cidade, o Mercado Modelo, localizado na Praça Cairu, no Comércio, é alvo de uma profunda ação de reforma e revitalização do espaço. O equipamento é tombado pelo Instituto do Patrimônio Histórico e Artístico Nacional (Iphan) e está sob a administração da Prefeitura, por meio da Secretaria Municipal de Ordem Pública (Semop), há pouco mais de um mês, fruto de um acordo entre a administração municipal e o Ministério Público. As obras estão sendo executadas sob a coordenação da Secretaria Municipal de Manutenção (Seman).

As intervenções de manutenção na parte física do mercado tiveram início neste mês de abril e irão englobar serviços nos banheiros, ajustes em infiltrações e áreas de umidade e reparos no tanque. A parte elétrica já foi revisada e modernizada, com a instalação de 20 refletores e troca de 32 lâmpadas em LED, além da instalação de novos exaustores, cujo sistema não funciona há cinco anos. Além destes trabalhos, um dos principais focos da atuação no mercado será a reforma da estrutura do telhado, já iniciada. Todas as intervenções estão sendo realizadas sem a retirada dos permissionários, para evitar prejuízos no funcionamento das atividades.

Outras ações – Para garantir que os visitantes tenham um passeio tranquilo, a Guarda Municipal deverá intensificar o patrulhamento a pé e o serviço patrimonial atuando uma equipe de 18 agentes que se revezarão nas atividades em regime de 24h. A Base Operacional Móvel, que atua na Praça Cairu, vai continuar com as atividades diárias dando suporte também ao efetivo presente no mercado.

Como recurso adicional para fiscalizar o espaço e inibir a ação de vândalos, os agentes da Guarda Municipal irão utilizar um sistema de videomonitoramento que está em fase de desenvolvimento. O sistema é de responsabilidade da Companhia de Governança Eletrônica (Cogel), que também ofertará Wi-Fi gratuito para quem for desfrutar das belezas do mercado.

Segundo Rosemma Maluf, a qualidade do atendimento oferecido nos estabelecimentos também será alvo da nova gestão. A Semop, em parceria com o Serviço de Apoio à Micro e Pequenas Empresas (Sebrae), ofertará oficinas de capacitação gratuitas voltadas com direcionamento a qualidade dos serviços disponibilizados ao público pelos permissionários.

A Empresa de Limpeza Urbana de Salvador (Limpurb) tem colaborado com a lavagem interna e externa do monumento. Já a Secretaria Cidade Sustentável (Secis) será responsável pelo paisagismo do ambiente.

PODE LHE INTERESSAR