Mais uma parcela do auxílio emergencial é liberada para 3,6 milhões de beneficiários

Mais uma parcela do auxílio emergencial é liberada para 3,6 milhões de beneficiários
Mais uma parcela do auxílio emergencial é liberada para 3,6 milhões de beneficiários. Reprodução

Mais uma parcela do auxílio emergencial é liberada para 3,6 milhões de beneficiários

O crédito do auxílio emergencial será liberado hoje (16) para 3,6 milhões de brasileiros nascidos em outubro. Os beneficiários do ciclo 4 de pagamentos receberão R$ 1,4 bilhão distribuído em suas contas da poupança social digital, informou a Caixa Econômica Federal.

Desse total, 660,1 mil receberão R$ 432,6 milhões referentes às parcelas do auxílio emergencial. Os demais, 2,9 milhões, serão contemplados com a segunda parcela do Auxílio Emergencial Extensão, somando R$ 957,6 milhões.

+2 em cada 3 processos sobre covid-19 são por conta do auxílio emergencial negado

+Ainda posso sacar o PIS, FGTS e auxílio emergencial em 2020?

A partir de hoje, os valores podem ser movimentados pelo aplicativo Caixa Tem para pagamento de boletos, compras na internet e pelas maquininhas em mais de um milhão de estabelecimentos comerciais.

O benefício, criado em abril pelo governo federal, foi estendido até 31 de dezembro por meio da Medida Provisória (MP) nº 1000.

+Quem auxílio emergencial negado por órgãos de controle pode contestar decisão

+Auxílio emergencial: TCU vê irregularidade em quase 440 mil cadastros

O Auxílio Emergencial Extensão será pago em até quatro parcelas de R$ 300 cada e, no caso das mães chefes de família monoparental, o valor é de R$ 600.

Saques e transferências para quem recebe o crédito nesta segunda-feira serão liberados a partir do dia 1º de dezembro.

+Novo calendário do auxílio emergencial entrou em vigor; acompanhe

+INSS pode adiantar auxílio-doença de 1 salário mínimo

Fonte: Agência Brasil

PODE LHE INTERESSAR