Mães recebem vídeos de execução dos filhos no WhatsApp: "Só quero o corpo"


Foto: reprodução/WhatsApp

Região Metropolitana

O que dizer as mães que perdem seus filhos? Há momentos em que não existem palavras para expressar os sentimentos. Quando essa situação atinge uma família de maneira trágica, a situação parece fora da realidade. A não ser quem já passou por situação semelhante, o máximo que se se consegue é imaginar a dor vivida.

Uma família de Camaçari, na Região Metropolitana de Salvador (RMS), está vivendo um grande pesadelo. Micael Nascimento dos Santos, de 21 anos, e Emerson Rocha Pereira, 22, saíram de casa na última quarta-feira (15), feriado da Proclamação da República, e não retornaram mais para casa.

A partir daí, desesperados, os parentes saíram a procura dos jovens, mas foram surpreendidos com uma notícia trágica. Por meio do aplicativo WhatsApp, familiares receberam vídeos que mostram Micael e Emerson sendo espancados e assassinados dentro de uma casa. Quando as mães dos jovens assistiram as imagens, não tiveram dúvidas que eram seus filhos ali, sendo mortos.

Em uma tentativa de apelo, uma das mães dos jovens afirmou que queria encontrar o corpo do filho, para pelo menos poder enterrá-lo de forma digna. Toda a ação foi filmada pelos próprios criminosos e em seguida enviado aos seus familiares.

Até a manhã desta sexta-feira (17), os corpos ainda não tinham sido localizados. O caso está sendo investigado pelo Departamento de Homicídios e Proteção à Pessoa (DHPP).

PODE LHE INTERESSAR