Linfoma: O que é e por que devemos estar vigilantes?

Linfoma: O que é e por que devemos estar vigilantes?
FLinfoma: O que é e por que devemos estar vigilantes? Foto: Wapa

Linfoma: O que é e por que devemos estar vigilantes?

Um milhão de pessoas no mundo vivem com linfoma , uma proliferação maligna de linfócitos (células defensivas do sistema imunológico) -geralmente dentro dos linfonodos (sistema linfático) e estima-se que mais de 1000 novos casos sejam detectados a cada dia.

Seu aumento deve ter consideração importante, já que é uma doença potencialmente fatal se não for diagnosticada e tratada a tempo, dizem os oncologistas.

>>Estas 4 bebidas naturais e caseiras vão te ajudar a secar o abdômen

Segundo o projeto GLOBOCAN 2012 da Agência Internacional de Pesquisa do Câncer (IARC), o linfoma é uma das dez neoplasias mais frequentes no mundo, com uma amplitude que varia entre as diferentes regiões geográficas (sétimo lugar para a América do Norte e oitavo para a América do Sul).

No geral, existem mais de 60 tipos de linfoma, dependendo do tipo de células imunológicas afetadas. Cada tipo de linfoma requer abordagens diferentes para seu diagnóstico, avaliação e tratamento. As chances de cura dependem cada vez mais da precisão do diagnóstico e do acesso a um tratamento adequado ao tipo de Linfoma e grupo de risco.

Os sintomas podem variar dependendo do tipo de linfoma , da área do corpo que está sendo mais afetada e da velocidade de crescimento.

>>Dieta de abacate para perder peso e queimar gordura em 3 dias

Sintomas de linfomas – suores noturnos profusos, febre intermitente e calafrios, coceira, gânglios linfáticos inchados no pescoço, axilas, virilha ou outras áreas, perda de peso, tosse ou falta de ar, inchaço ou dor abdominal, fadiga e anemia.

Por isso devemos dar importância a esta neoplasia, informando-nos e levando em consideração seu aumento de incidência, sintomas comuns, obter um diagnóstico adequado e manejo oportuno dependendo do tipo de linfoma.

>>Cinco dicas simples e eficazes para ter cílios dos sonhos: exuberantes!

Se você notar o aparecimento de nódulos linfáticos em áreas específicas do seu corpo e eles não desaparecerem em duas semanas, é recomendável visitar um especialista para descartar qualquer linfoma, para que você possa agir imediatamente contra à possibilidade de câncer .

*As sugestões postadas em nossa página não substituem de forma alguma a opinião de um médico profissional. Antes de colocar em prática qualquer um dos nossos conselhos, é recomendável pedir opinião de um especialista.

PODE LHE INTERESSAR