Homem assassinou jornalista com golpes de paralelepípedo em Salvador


Mateus Araújo disse que matou Daniela Bispo a pedradas porque ela o pressionava para assumir relacionamento. Foto: Divulgação/Policia Civil

Mateus William Alecrim Dourado Araújo, de 32 anos, foi preso, nesta terça-feira (14), acusado de assassinar com golpes de paralelepípedo a jornalista Daniela Bispo dos Santos, 39, encontrada morta no edifício onde trabalhava, na Avenida Tancredo Neves. Investigadores da 1ª Delegacia de Homicídios (DH/Atlântico) capturaram Mateus, em frente a um supermercado, em Lauro de Freitas.

A delegada Milena Calmon, titular da 1ª DH/Atlântico, contou aos jornalistas, nesta terça-feira, durante coletiva do auditório do Departamento de Homicídios e Proteção à Pessoa (DHPP), onde Mateus foi apresentado, que o assassino disse em depoimento ter matado Daniela porque ela o pressionava para assumir o relacionamento dos dois.

De acordo com Mateus, que mora com a companheira, ele e Daniela começaram a se relacionar quando trabalharam juntos num call center, onde ele era gerente. Mesmo depois de ser demitido, ele continuou se encontrando com Daniela e, recentemente, ela teria passado a exigir que ele se separasse da mulher e a assumisse como namorada.

A polícia apurou que Mateus teve acesso ao prédio em que a vítima trabalhava sob o pretexto de buscar uma chave. Ele a chamou para uma conversa nas escadarias do prédio e os dois começaram a discutir. Mateus desferiu um soco na vítima que caiu e passou a ser golpeada com a pedra que ele havia levado consigo.

Depois de matar a mulher, Mateus trocou de camisa antes de sair para a rua e ao pegar um ônibus, trocou novamente de roupa para evitar ser reconhecido. Segundo a delegada Milena Calmon, as imagens das câmeras de segurança do prédio e o depoimento de testemunhas que o viram no prédio e o reconheceram como namorado de Daniela foram cruciais para a elucidação do homicídio.

Por volta das 15 horas desta terça-feira(14/11), a polícia identificou o endereço da mãe de Mateus e, durante uma ligação, ele disse que estaria esperando em frente a um supermercado, em Lauro de Freitas, onde foi preso. Autuado em flagrante por feminicídio pela delegada Milena Calmon, Mateus será encaminhado para audiência de custódia.

Daniela Bispo dos Santos, 39, encontrada morta no edifício onde trabalhava

PODE LHE INTERESSAR