eSocial: Grupo 3 deve enviar seus eventos a partir de 10 de maio

eSocial: Grupo 3 deve enviar seus eventos a partir de 10 de maio
eSocial: Grupo 3 deve enviar seus eventos a partir de 10 de maio. Foto: reprodução

eSocial: Grupo 3 deve enviar seus eventos a partir de 10 de maio

No dia 10 de maio, o eSocial (Sistema de Escrituração Digital das Obrigações Fiscais, Previdenciárias e Trabalhistas) entrará na fase três do cronograma de implantação.

Diante disso, o grupo 3 deve fazer o envio de eventos da folha de pagamento onde constam todas as informações sobre a remuneração que é paga ao trabalhador que possui contrato de trabalho ativo.

>>Governo estima novo salário mínimo para 2022, 2023 e 2024; confira valores

Mas é importante ressaltar que somente é possível fazer o envio na terceira fase se a primeira e a segunda tiverem sido mandadas corretamente.

Assim, aquelas que deixarem de apresentar as informações poderão ser autuadas pela Receita Federal.

Para saber quem faz parte da terceira fase, continue acompanhando este artigo e tire suas dúvidas sobre o tema.

O que é eSocial?

O Sistema de Escrituração Digital das Obrigações Fiscais, Previdenciárias e Trabalhistas (eSocial) se trata de um projeto do Governo Federal.

>>MEC divulga resultado das bolsas remanescentes do Prouni

Ele foi criado para unificar todos os dados do trabalhador e das empresas, o que inclui as obrigações trabalhistas, fiscais e previdenciárias, como por exemplo, o pagamento de INSS, FGTS e auxílio-doença.

A sua obrigatoriedade começou a valer em 2018 para as empresas com faturamento anual maior que R$ 78 milhões.

Depois, foram incluídas aquelas que possuíam rendimentos menores.

3ª fase

As empresas do grupo três, que já entregaram as obrigações das fases 1 e 2, precisam enviar os eventos periódicos ligados às folhas de pagamento.

Fazem parte deste grupo as seguintes pessoas:

>>Concurso da PRF está mantido após desembargador derrubar a liminar

  • Microempreendedores Individuais (MEI),
  • Microempresas (ME) e Empresas de Pequeno Porte (EPP) optantes pelo Simples Nacional,
  • Entidades sem fins lucrativos;
  • Pessoas físicas (com exceção de empregados domésticos),
  • Produtor rural (pessoa física),

Assim, devem constar os eventos S-1200 a S-1299 que são referentes aos fatos ocorridos a partir do dia 1º de maio deste ano.

PODE LHE INTERESSAR