Entenda como funciona o Cadastro Único no Auxílio Emergencial

Entenda como funciona o Cadastro Único no Auxílio Emergencial
Entenda como funciona o Cadastro Único no Auxílio Emergencial

Entenda como funciona o Cadastro Único no Auxílio Emergencial.

O Auxílio Emergencial de R$ 600 voltados para profissionais autônomos e informais, MEI e desempregados começou a ser pago em abril – e o cadastro para quem ainda não está no cadastro único (CadUn) também foi liberado através do aplicativo e do site criados para o auxílio.

Como consultar Cadastro Único de três maneiras sem precisar sair de casa

Quem ainda não está na base de cadastro do governo para benefícios sociais pode ficar confuso quanto às informações relacionadas ao Cadastro Único no auxílio emergencial. Abaixo, entenda qual a relação.

Antes de mais nada, o que é Cadastro Único?

O Cadastro Único (também chamado de CadÚnico ou CadUn) é, como o próprio nome diz, um cadastro do governo que reúne diversas informações sobre as famílias brasileiras em situação de pobreza e extrema pobreza.

Aprenda a fazer o cadastro online no Cartão do SUS e consultar número

Esses dados são usados pelos governos Federal, Estaduais e Municipais para implementar políticas públicas que ajudem essas famílias. É através dele que são selecionadas as famílias que têm direito ao Bolsa Família, o programa Minha Casa, Minha Vida e outros benefícios sociais do governo.

O que é o Cadastro Único no Auxílio Emergencial?

O Cadastro Único está sendo usado para liberar o benefício do auxílio emergencial de R$ 600. Estar nesse banco de dados, entretanto, não é um requisito obrigatório para solicitar o benefício, como é para o Bolsa Família e o Benefício de Prestação Continuada (BPC).

Aqueles que estão cadastrados no Cadastro Único até o dia 20 de março deste ano podem ou não receber o Auxílio Emergencial.

Entenda como funciona o Cadastro Único e quem tem direito aos benefícios

De acordo com a Caixa, elas passaram por uma seleção para ver se estão dentro dos critérios estabelecidos para receber o auxílio emergencial. Já se encontram no Cadastro Único, por exemplo, pessoas e famílias que recebem o Bolsa Família.

Recebo o Bolsa Família, posso receber também o Auxílio Emergencial?

Quem recebe o Bolsa Família já está no Cadastro Único, mas não pode receber os dois benefícios – somente um deles. Portanto, a migração para o auxílio emergencial de R$ 600 será automática quando ele for mais vantajoso do que o Bolsa Família.

Cadastro Único e Bolsa Família tem suspensão das atualizações cadastrais prorrogada

Ou seja: quem recebe o Bolsa Família pode passar a receber, ao invés dele, durante os três meses, o Auxílio Emergencial, se ele for mais vantajoso. A substituição foi feita automaticamente.

As pessoas que estão no Cadastro Único começaram a receber o pagamento do auxílio emergencial no dia 9 de abril.

Inscritos do Cadastro Único também podem consultar se o CPF esta sujo e é de graça

Não estou no Cadastro Único. E agora?

Não é necessário se cadastrar neste programa em específico para receber o benefício de Auxílio Emergencial do governo.

Com informações de Nubank

PODE LHE INTERESSAR