Enem: participantes já podem conferir novos locais de prova

Reprodução

Os participantes do Exame Nacional do Ensino Médio (Enem) 2020 que farão as provas nos dias 23 e 24 de fevereiro já podem conferir os locais do exame. As informações estão no Cartão de Confirmação de Inscrição, disponível na Página do Participante.

>>Novo auxílio emergencial vai pagar famílias com renda de até R$600 per capita

Nessas datas, o Instituto Nacional de Estudos e Pesquisas Educacionais Anísio Teixeira (Inep) fará a reaplicação do Enem 2020, assim como a aplicação para pessoas privadas de liberdade, o Enem PPL, e para inscritos que não fizeram o exame em função de decretos locais relacionados à Covid-19.

Tinham direito de solicitar a reaplicação participantes que se sentiram prejudicados por incidentes logísticos e os que apresentaram sintomas de Covid-19 ou de outra doença infectocontagiosa prevista no edital, na véspera ou no dia do exame. Vale ressaltar que a reaplicação será feita em provas impressas para inscritos em ambos os formatos do Enem 2020 (impresso e digital), independentemente da versão em que o participante estava inscrito a princípio.

INSS: segurados com NIS final 1 recebem salário de R$ 1.100 nesta segunda-feira

O Inep fará, ainda, a aplicação para os participantes do Amazonas e dos municípios de Espigão D’Oeste e Rolim de Moura, ambos em Rondônia, que ainda não fizeram o exame devido à crise sanitária causada pelo coronavírus. Além disso, participantes privados de liberdade e sob medida socioeducativa que inclua privação de liberdade farão o Enem PPL. Acesse a Página do Participante.

>>Estado deve liberar auxílio emergencial de R$300 e empréstimo de R$50 mil; veja quem tem direito

Sobre o ENEM

Instituído em 1998 Exame Nacional do Ensino Médio (Enem), com o objetivo de avaliar o desempenho escolar dos estudantes ao término da educação básica. O exame aperfeiçoou sua metodologia e, em 2009, passou a ser utilizado como mecanismo de acesso à educação superior, por meio do Sistema de Seleção Unificada (Sisu), do Programa Universidade para Todos (ProUni) e de convênios com instituições portuguesas.

>>Pix facilita pagamentos e transferências bancárias; veja como fazer cadastramento

Os participantes do Enem também podem pleitear financiamento estudantil em programas do governo, como o Fundo de Financiamento Estudantil (Fies). Os resultados do Enem continuam possibilitando o desenvolvimento de estudos e indicadores educacionais.

>>Clientes de bancos podem acessar serviços do governo pelo aplicativo

Qualquer pessoa que já concluiu o ensino médio ou está concluindo a etapa pode fazer o Enem para acesso à educação superior. Os participantes que ainda não concluíram o ensino médio podem participar do Enem como “treineiros” e seus resultados no exame servem somente para auto avaliação de conhecimentos.

PODE LHE INTERESSAR