Empresas farão transporte de gás para fábricas na Bahia e em Sergipe

Foto: Saulo Cruz/MME

A Transportadora Associada de Gás S.A. (TAG) e a Proquigel Química S.A. (Proquigel), empresa integrante do Grupo Unigel, assinaram contrato interruptível de serviço de transporte de gás para abastecimento de duas fábricas de fertilizantes operadas pela petroquímica, na Bahia e em Sergipe. O acordo, com início no dia 29 de janeiro, prevê a entrega de 2,3 milhões de metros cúbicos (Mm³) de gás por dia.

>>Conta de luz seguirá com bandeira amarela em fevereiro; veja dicas para economizar

O contrato firmado entre as empresas tem prazo de até um ano e será atendido pela atual infraestrutura de transporte de gás da TAG. O gás será fornecido pela Petrobras à Proquigel, proveniente do campo de Manati (BA). A partir da unidade de processamento de tal campo, o contrato de transporte prevê a entrega nos citygates (pontos de entrega) nos quais a Proquigel possui acordo com as distribuidoras locais.

“O governo brasileiro continua trabalhando para a abertura e o crescimento do mercado de gás natural do país e para a atração de mais investimentos para toda a cadeia”, afirmou José Mauro Ferreira, secretário de Petróleo, Gás Natural e Biocombustíveis (SPG) do Ministério de Minas e Energia (MME).

>>Caixa Tem: aprenda como antecipar o auxílio emergencial, BEm e FGTS

O secretário destacou o crescimento do mercado de gás no país nos últimos anos. “Os pedidos de autorização para carregamento, ou seja, de contratação de serviços de transporte dutoviário de gás natural, passaram de uma média de 3 por ano, até 2018, para um total de 49 nos últimos dois anos”, disse.

A fábrica de Sergipe será a primeira fábrica a receber o insumo como parte do novo negócio, com volume médio de 1,1 milhões de m³ por dia, enquanto a fábrica da Bahia receberá uma média de 1,2 milhões de m³/d, com previsão de início a partir de março.

>>INSS começa a pagar hoje aposentadoria com reajuste para quem ganha mais

A TAG detém a mais extensa rede de gasodutos de transporte do país, com aproximadamente 4.500 km, que respondem por 47% do total da malha de transporte de gás do país. São 3.700 km na região costeira do Brasil, passando por quase 200 municípios de nove estados brasileiros – Ceará, Rio Grande do Norte, Paraíba, Pernambuco, Alagoas, Sergipe, Bahia, Espírito Santo e Rio de Janeiro – e outros 800 km na Amazônia, em trecho que liga a região petrolífera de Urucu a Manaus, no Amazonas.

PODE LHE INTERESSAR