Confira as regras de saque do FGTS que inicia nesta segunda-feira (1°)

Confira as regras de saque do FGTS que inicia nesta segunda-feira (1°)
Confira as regras de saque do FGTS que inicia nesta segunda-feira (1°) – Reprodução

Confira as regras de saque do FGTS que inicia nesta segunda-feira (1°). Começa nesta segunda-feira (dia 1º de junho) o saque-aniversário do Fundo de Garantia do Tempo de Serviço (FGTS) para os trabalhadores nascidos em maio e junho que aderiram a esta modalidade de retirada.

Essas pessoas terão até agosto para retirar o dinheiro. Segundo a Caixa Econômica Federal — responsável pela gestão dos recursos —, neste mês, serão beneficiados 908.600 cidadãos, com a liberação de R$ 1,2 bilhão.

Veja também: Lista de pagamentos do 2º semestre de 2020: PIS/Pasep, FGTS e Auxílio

Quem opta por essa condição de saque pode retirar uma parte do saldo de FGTS uma vez por ano, somada a uma parcela adicional que varia de acordo com o montante acumulado (confira os valores abaixo). Assim, quem tem mais de uma conta pode, inclusive, sacar parte dos recursos de todas elas.

Esse trabalhador, no entanto, perde o direito de resgatar o montante total da conta vinculada de FGTS, se for demitido pelo empregador sem justa causa. Neste caso, recebe apenas a multa rescisória de 40% paga pelo patrão.

No momento da adesão, no site do saque-aniversário ou no aplicativo do FGTS, o trabalhador escolhe o dia 1º ou 10 do mês para receber os recursos.

Então, segundo a Caixa, a diferença é que, ao optar pelo 10º dia, a base de cálculo do valor a receber será acrescida de juros e atualização monetária do mês de saque.

Consulta de saldo

No site ou no aplicativo, é possível consultar o saldo disponível no fundo, fazer a simulação de quanto receber anualmente, caso faça a opção do saque-aniversário, e ainda comunicar seu termo de adesão à modalidade.

O trabalhador que já fez aniversário em maio deste ano e perdeu o prazo de adesão ao saque-aniversário até o último dia do mês de seu nascimento ainda poderá optar pela nova modalidade de resgate anual do FGTS, mas só terá direito à retirada a partir de 2021. Este ano, não será mais possível.

Portanto, os que ainda não fizeram aniversário este ano podem aderir à modalidade até o último dia do mês de nascimento para ter direito ao saque em 2020.

Veja também: Caixa prepara calendário de saques de até R$ 1.045 do FGTS

Calendário de pagamento

A modalidade de saque-aniversário do FGTS seguirá o seguinte calendário neste ano:

Nascidos em janeiro e fevereiro: recebem de abril a junho de 2020

Março e abril: recebem de maio a julho de 2020

Maio e junho: recebem de junho a agosto de 2020

Julho: recebem de julho a setembro de 2020

Agosto: recebem de agosto a outubro de 2020

Setembro: recebem de setembro a novembro de 2020

Outubro: recebem de outubro a dezembro de 2020

Novembro: recebem de novembro de 2020 a janeiro de 2021

Dezembro: recebem de dezembro de 2020 a fevereiro de 2021

A partir de 2021, a liberação ocorrerá no mês de aniversário do trabalhador.

Veja também: Veja calendário da nova modalidade de saque do FGTS

Fonte: Extra

PODE LHE INTERESSAR