CAPES anuncia 25 cursos que vão receber repasse total de R$ 4,8 milhões

Autor: Charles Fábion

Publicada em


CAPES anuncia 25 cursos que vão receber repasse total de R$ 4,8 milhões
CAPES anuncia 25 cursos que vão receber repasse total de R$ 4,8 milhões – Reprodução

CAPES anuncia 25 cursos que vão receber repasse total de R$ 4,8 milhões.

A Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior (Capes) divulgou os 25 cursos de mestrado em Enfermagem que vão receber um investimento total de R$ 4,8 milhões. Com o apoio do Conselho Federal de Enfermagem (Cofen), a iniciativa tem o objetivo ampliar a qualificação profissional e o desenvolvimento de pesquisas na área.

O edital com o resultado final do acordo entre a Capes e o Cofen foi publicado na edição desta quinta-feira, 28 de maio, do Diário Oficial da União (DOU) e no site da Coordenação.

Veja também: MEC vai liberar 122 mil vagas em cursos gratuitos online (EaD) de qualificação profissional

Foram aprovadas 25 das 28 propostas submetidas, que ofertarão, ao todo, 180 vagas. Por conta da situação de emergência da saúde pública causada pela pandemia do novo coronavírus; as inscrições e o início das aulas ficarão a critério de cada instituição.

O investimento será destinado aos Programas de Pós-Graduação (PPGs) profissionais, cujo foco é a Sistematização da Assistência de Enfermagem (SAE) e a Gestão em Enfermagem. O acordo também promove a cooperação acadêmica e o desenvolvimento de pesquisa científica e tecnológica.

Modalidades

O edital prevê duas modalidades. Os cursos de mestrado profissional recomendados pela Capes terão investimento total de R$ 3 milhões, com valor máximo de R$ 250 mil por projeto.

Leia também: Instituto oferece 1 mil vagas gratuitas em cursos de ensino à distância (EaD)

Os que forem oferecidos via cooperação institucional, por PPGs com nota de avaliação de no mínimo 4, terão investimento de R$ 1,8 milhão e valor máximo de R$ 300 mil por projeto. Nesse último caso, as aulas serão ministradas em uma instituição receptora, que garantirá a infraestrutura e o apoio administrativo.