Cadastro Único: Ministério investe em cursos de qualificação profissional

    Cadastro Único: Ministério investe em cursos de qualificação profissionalCadastro Único: Ministério investe em cursos de qualificação profissional – Reprodução / Montagem: N1

Cadastro Único: Ministério investe em cursos de qualificação profissional.

O Ministério da Cidadania vai investir até R$ 500 mil no desenvolvimento de cursos de qualificação profissional a jovens de 14 a 21 anos inseridos no Cadastro Único e que cumprem medidas socioeducativas em regime fechado.

O repasse, por meio da Secretaria Nacional de Inclusão Social e Produtiva Urbana, será feito após processo seletivo envolvendo os municípios que integram o programa “Em Frente, Brasil”, escolhidos pelo Ministério da Justiça e Segurança Pública, em razão dos altos índices de criminalidade. São eles: Ananindeua (PA), Goiânia (GO), Paulista (PE), São José dos Pinhais (PR) e Cariacica (ES).

Veja também: Pagamento de R$ 998 do BPC pode ser suspenso por falta de inscrição no Cadastro Único

A secretária nacional de Inclusão Social e Produtiva Urbana do Ministério da Cidadania, Rita Passos, destaca que os recursos serão destinados às prefeituras que irão contratar os cursos de acordo com as necessidades locais. Segundo a secretária, a iniciativa tem o objetivo de dar uma nova chance para que os jovens possam mudar de vida e ter mais oportunidades.

“Vamos oferecer qualificação para que eles possam acessar o mercado de trabalho, ter um emprego e uma vida adequada àquela que a sociedade e a família esperam”, ressaltou.

Em Paulista (PE), o programa Qualifica Jovem prioriza a participação de pessoas com algum tipo de deficiência e beneficiários dos programas sociais, como o Bolsa Família. O coordenador, Adriano Diniz, afirma que o incentivo do Governo Federal gera inclusão, renda e cidadania. “Oferecer oportunidades mexe com a autoestima da juventude. Mostra para eles que são cidadãos e podem mudar de vida”, enfatizou.

O Ministério da Cidadania também vai buscar parcerias com empresas para oferta de vagas de trabalho aos jovens; e disponibilizar outros cursos de qualificação por meio do Progredir.

As prefeituras interessadas em participar devem encaminhar propostas até esta quarta-feira (27/11) pelo Sistema de Gestão de Convênios e Contratos de Repasse (SICONV). O resultado será divulgado no dia 4 de dezembro.

Em Frente, Brasil

A iniciativa do Ministério da Cidadania integra o programa Em Frente, Brasil, projeto-piloto coordenado pelo Ministério da Justiça e Segurança Pública de enfrentamento à criminalidade violenta com ações conjuntas entre União, Estados e Municípios. “Nós estamos colaborando com um projeto importante para o Brasil. Essa parceria faz com que esse jovem entre no caminho certo, diminua a violência e as pessoas possam ter de fato uma nova vida”, concluiu a secretária nacional, Rita Passos.

A proposta do Governo Federal alia medidas de segurança pública a ações sociais e econômicas para promover a transformação das realidades socioeconômicas das regiões. Além dos ministérios da Justiça e Segurança Pública e da Cidadania, fazem parte do projeto-piloto a Casa Civil; Secretaria de Governo; Secretaria-Geral da Presidência da República; e os ministérios da Mulher, Família e Direitos Humanos; Economia; Saúde; Desenvolvimento Regional; e Educação.

Veja mais