Cadastro Único: governo faz mudanças no Bolsa Família com prazo predeterminado

Cadastro Único: governo faz mudanças no Bolsa Família com prazo predeterminado
Cadastro Único: governo faz mudanças no Bolsa Família com prazo predeterminado

 

Cadastro Único: governo faz mudanças no Bolsa Família com prazo predeterminado.

O governo federal determinou a suspensão das atualizações no Cadastro Único de beneficiários do Bolsa Família enquanto o Auxílio emergencial de R$ 600 estiver sendo pago.

Projeto isenta inscrito do Bolsa Família e Cadastro Único de pagar conta de água e energia

Bolsa Família e Cadastro Único: tudo sobre a 4ª e 5ª parcela do Auxílio Emergencial

As “ações de administração de benefícios” também estão suspensas, como o bloqueio ou suspensão do pagamento.

A medida foi publicada no Diário Oficial da União (DOU) do dia 15 de junho, em portaria do Ministério da Cidadania, e já está em vigor.

Medidas preventivas

Ao determinar as suspensões, o Ministério da Cidadania afirma considerar a necessidade de evitar aglomerações de pessoas que poderiam expor ao novo coronavírus os integrantes de famílias beneficiárias do Bolsa Família e os cidadãos que trabalham em unidades de cadastramento.

O que é necessário para décimo terceiro (13º) do Bolsa Família ser pago em 2020?

Ainda de acordo com o governo, as operações do Bolsa Família e do Cadastro Único estão prejudicadas por situações como suspensão de aulas; direcionamento de unidades de saúde para atender aos infectados pela covid-19; e pelo fechamento dos Centros de Referência de Assistência Social (CRAS); além de demais postos de cadastramento para recebimento do benefício.

Na portaria, o governo não fixa uma data para o fim da suspensão. O texto diz apenas que as mudanças valerão enquanto o auxílio emergencial for pago.

Renda Brasil deve pagar mais que o Bolsa Família e alguns poderão receber 2 valores

A segunda parcela do benefício começou a ser paga nesta segunda-feira. As datas de pagamento da terceira parcela ainda não foram divulgadas.

Próximo pagamento do auxílio para inscritos do Bolsa Família

O governo e a Caixa Econômica Federal já preparam os pagamentos da quarta parcela do Auxílio emergencial para os beneficiários do Bolsa Família.

Valor do novo Bolsa Família (Renda Brasil) dependerá da redistribuição de verbas do governo

Por conta da pandemia, o governo decidiu prorrogar o beneficio por mais duas parcelas e, sendo assim, inscritos do Bolsa Família receberão a 4ª fatia da ajuda financeira emergencial ainda neste mês de julho.

Confira o calendário completo, que assim como nos outros meses, seguem o cronograma oficial do programa:

Datas de pagamentos da quarta (4ª) parcela do auxílio para o Bolsa Família

  • 20/07/2020: Nis final 1
  • 21/07/2020: Nis final 2
  • 22/07/2020: Nis final 3
  • 23/07/2020: Nis final 4
  • 24/07/2020: Nis final 5
  • 27/07/2020: Nis final 6
  • 28/07/2020: Nis final 7
  • 29/07/2020: Nis final 8
  • 30/07/2020: Nis final 9
  • 31/07/2020: Nis final 0

Da redação, com informações de Estadão Conteúdo.

PODE LHE INTERESSAR