Banco Inter libera transferências via WhatsApp em sua plataforma

Banco Inter libera transferências via WhatsApp em sua plataforma
Banco Inter libera transferências via WhatsApp em sua plataforma

Banco Inter libera transferências via WhatsApp em sua plataforma

Desde a última terça-feira (4) o serviço de pagamentos pelo WhatsApp começou a ser disponibilizado gradativamente para os usuários do aplicativo de mensagens no Brasil, permitindo a transferência de dinheiro para parentes e amigos com a mesma facilidade com que mensagens ou fotos são enviadas, de forma segura e sem taxas. Clientes do Inter estão entre os beneficiados pela novidade, o que reforça a estratégia da plataforma de estar à frente das inovações do mercado, com uma proposta 100% digital para simplificar e trazer mais segurança e comodidade para o dia a dia das pessoas.

“O objetivo do Inter é simplificar todos os aspectos da vida diária, na qual os pagamentos desempenham um papel importante. Acreditamos em maneiras fáceis e seguras de fornecer soluções de pagamentos para nossos clientes, e usar o WhatsApp para fazer isso é uma ótima experiência do usuário”, diz Ray Chalub, COO do Inter.

>>WhatsApp: como recuperar suas mensagens excluídas este ano

WhatsApp

Os pagamentos no WhatsApp são processados pelo Facebook Pagamentos e pela Cielo, habilitados pelo Facebook Pay, e são uma importante alternativa de transferência de dinheiro sem contato físico, algo essencial neste momento de pandemia. O recurso será habilitado de forma gradual para usuários do WhatsApp no Brasil, e as pessoas com o serviço já ativo poderão convidar amigos e familiares em todo o País para usar a mesma funcionalidade. Uma conta habilita automaticamente o serviço de outras ao enviar ou solicitar uma transferência de qualquer valor.

“Estamos muito animados com a disponibilização desse serviço. Facilitar o envio e o recebimento de dinheiro de maneira segura não poderia ser mais importante neste momento, já que não só diminui a exposição das pessoas à pandemia, mas também as ajuda a se manterem conectadas com entes queridos, expande o acesso a serviços financeiros e possibilita que mais pessoas participem da economia digital”, afirma Matt Idema, diretor de Operações do WhatsApp.

>>Oportunidade: Caixa Econômica abre inscrições para vagas de estágio

Como funciona

As transferências entre pessoas físicas podem ser feitas com todos os cartões com função de débito disponibilizados pelo Inter, o que exclui apenas os cartões adicionais. Os usuários podem enviar até R$ 1 mil por transação e receber 20 transferências por dia, com um limite de R$ 5 mil por mês. Somente transações dentro do Brasil e em moeda local são autorizadas. Nenhuma taxa será cobrada.

A segurança do novo meio de pagamento é garantida por um forte conjunto de princípios de segurança e privacidade, incluindo a inserção de um PIN pessoal de seis dígitos do Facebook Pay, além de impressão digital ou leitura facial para cada operação, com o objetivo de evitar transações não-autorizadas.

PODE LHE INTERESSAR