7 alimentos para comer regularmente e queimar gordura da barriga

7 alimentos para comer regularmente e queimar gordura da barriga
7 alimentos para comer regularmente e queimar gordura da barriga

7 alimentos para comer regularmente e queimar gordura da barriga.

A gordura que se acumula na barriga ou na barriga é uma das mais difíceis de eliminar. Existem vários truques que você pode realizar para atingir uma barriga lisa , incluindo planos de exercícios específicos. Mas se há algo que fará a diferença, é a dieta que você segue. Portanto, saiba quais são os alimentos que você deve comer regularmente para queimar a gordura da barriga.

>>8 alimentos que você deve comer com casca por seu valor nutricional

Alimentos que você deve comer regularmente para queimar a gordura da barriga

Os vegetais, sem dúvida, são alimentos que nunca podem faltar na sua dieta alimentar. Eles contêm muitas propriedades e benefícios para o seu corpo, o que o ajudará a se manter saudável.

Mas, se você tem um objetivo específico, como melhorar uma parte específica do seu corpo, é bom saber quais são os mais indicados para isso. Portanto, não perca a lista a seguir com os alimentos que você deve comer regularmente para queimar a gordura da barriga.

>>Diga adeus à barriga com esta receita natural para eliminar gordura localizada

Ressalta-se que, nesta ocasião, serão discutidos vegetais roxos.

1. Couve-flor roxa

As propriedades antioxidantes da couve-flor roxa são boas para proteger o corpo contra várias doenças. Alguns deles podem ser problemas cardíacos ou câncer colorretal. Da mesma forma, o fato de possuírem vitaminas A e C, fibra e água, além de favorecer a eliminação de líquidos, ajuda a saciar.

2. Beterraba

Outro dos alimentos que você deve comer regularmente para queimar a gordura da barriga é a beterraba. Isso é ideal para perder peso. Por um lado, ele mal contém 41 calorias em cada 100 gramas. Além disso, o ácido fólico presente em 100 gramas cobre um terço do que você deve consumir por dia. Ele também contém potássio, magnésio, iodo, vitamina C, ferro e fósforo.

É importante lembrar que o organismo assimila melhor grande parte dos nutrientes quando esse alimento é consumido em forma de suco.

>>5 plantas proibidas que ninguém deve ter em casa

3. Batata doce roxa

As propriedades anti-inflamatórias encontradas neste tubérculo podem ajudar a proteger contra o câncer de cólon, além da obesidade.

4. Berinjela

As berinjelas roxas são ricas em manganês e antioxidantes, que ajudam a melhorar a saúde óssea e o metabolismo. Por isso é aconselhável incorporar uma alimentação equilibrada e também perder gordura da barriga.

Quase 92% de sua passagem é água, enquanto 3,5% são carboidratos e 0,2% são gorduras. Da mesma forma, a berinjela fornece ao corpo ácido fólico, fibras, potássio e antocianinas, que contêm propriedades antioxidantes.

>>Abdômen chapado: 5 truques para ter uma barriga lisa

5. Aspargos roxos

Se você quiser queimar a gordura da barriga, os aspargos roxos também podem ajudar, pois são antioxidantes. Além disso, como contêm muita água, isso é vantajoso quando se trata de expulsar fluidos do corpo. Em outras palavras, tem efeito diurético.

Por outro lado, regula o trânsito intestinal ao conter fibras, satisfaz e quase não tem calorias.

6. Repolho roxo

Por quase não conter calorias, o repolho roxo é um alimento ideal para guisados, saladas ou refogados. É importante ressaltar também que este ingrediente tem efeito anti-inflamatório e antioxidante, sem falar que é fonte de vitamina C, fibras, pró-vitamina A e potássio.

>>Descubra quais são os 3 ingredientes que toda tinta de cabelo deve ter

7. Cenouras roxas

O sabor doce e a textura crocante da cenoura roxa fornecem ao corpo vários antioxidantes polifenólicos, que contêm ácido cinâmico, ácido clorogênico e antocianinas.

Essas propriedades tornam o alimento bom para reduzir as chances de sofrer de doenças cardíacas, diabetes e obesidade. Consequentemente, se o seu objetivo é fazer desaparecer a gordura da barriga, é uma boa opção.

Importante:  As informações apresentadas neste artigo não substituem a opinião de um profissional de saúde. Antes de incorporar qualquer um desses alimentos em sua dieta, consulte o seu nutricionista ou médico de confiança se eles são adequados para você, levando em consideração o seu quadro clínico.

PODE LHE INTERESSAR